Moacir et Selena

... que resplandeça a vossa LUZ!

Textos


Desesperado

desesperado por ter perdido sua apostilha,
saiu ele pelos mundos vestido de baetilha,
sua usada baeta, rescendendo a baunilha.

esquecera do fumo favorito, e da boquilha,
e, há muito abandonara sua inútil cartilha,
e também aquela tal bajuladora camarilha.

de carona prá Espanha numa esquadrilha,
vivenciou uma tourada, e usou bandarilha,
mas, foi expulso por causa da tal cedilha.

saiu pro mar mas a nau quebrou a quilha,
salvou-se ele, e, compôs uma redondilha,
na Itália soube-se herdeiro duma partilha.

o outro herdeiro (?) usava negra mantilha,
era bella Ballerina que só usava sapatilha,
mas, casou com ELA, a mando da virilha...

Moacir et Selena
e se ELA te disser: ah, benvindo, entre!
sorria, e com Amor (e Paixão!) adentre!
Moacir et Selena
Enviado por Moacir et Selena em 25/07/2010
Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (cite o nome dos autores e o link para a obra original). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.


Comentários

Site do Escritor criado por Recanto das Letras